De blogs a dados abertos: um estudo de caso na disseminação de informação em saúde

Ivan Luiz Marques Ricarte, Karina Hagiwara, Maria Cristiane Barbosa Galvão

Resumo


O objetivo deste trabalho foi avaliar o esforço necessário e os potenciais benefícios envolvidos na tradução de informação em saúde disseminada em um blog para o formato de dados abertos. Foi realizado um estudo de caso com um blog de disseminação de informação em saúde. Para as postagens desse blog foram desenvolvidos um modelo de representação em formato de dados abertos e uma aplicação de software para traduzir as informações para esse modelo. As 438 postagens disponíveis no bog produziram um repositório com 11545 triplas RDF, incluindo conexões para a DBpedia. Além de disponibilizar a informação do blog para ser integrada a outras aplicações de dados abertos, esse processo permitiu avaliar e rever a qualidade da informação disponibilizada. Como há limites no que pode ser inferido com o processamento automático, a atuação de um profissional da informação como mediador nesse processo é essencial para explorar devidamente o potencial dos dados abertos. Para tanto, esse profissional deve ter clara compreensão dos modelos de informação usados para a representação de dados abertos e conhecer os seus principais vocabulários, ontologias e conjuntos de dados disponíveis.

Palavras-chave


Armazenamento e Recuperação da Informação; Disseminação de Informação; Web Semântica

Texto Completo:

PDF

Referências


Bizer C. The emerging web of linked data. IEEE Intell Syst. 2009;24(5):87–92.

Hadhiatma A. Improving data quality in the linked open data: A survey. J Phys Conf Ser. 2018;978(1)

Shadbolt N, Hall W, Berners-Lee T. The Semantic Web Revisited. IEEE Intell Syst. 2006;21(3):96–101.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.